A costura como herança, o cuidado entre linhas e a criatividade entre os dedos. A Com amor, Dora nasceu pela simples vontade de colocar a minha costura no mundo de uma forma criativa, colorida e aconchegante.

Dora

27 de novembro de 2017

escrevinhar

escrever é uma coisa que gosto de graça, sem muitas firulas, sem filtros de Instagram pra esconder as estrias, aqui eu sou eu sem pudor algum. Parei não sei o motivo, deixei de lado uma coisa que realmente gostava, a vida atropela nossos gostares, nossos pequenos prazeres, cabe a nós descobri-lo ou deixar morrer dentro do peito nossa vida, aquela que só a gente vê. Tantas dores e felicidades que poderiam ser compartilhadas, porque compartilhar o sentir faz bem pra você e para o outro que se reconhece em outro coração e se acalma sem querer sair correndo do mundo que tá muito louco. Assumo que do lado de cá não tá fácil, mas tá bom.

Deixe uma resposta